[:en]

book-rich-dad-poor-dadRich Dad Poor Dad by Robert Kiyosaki

Rich Dad, Poor Dad is a book where Robert Kiyosaki advocates the pursuit of financial independence. In this book, Robert Kiyosaki illustrated the differences of behaviors and mindsets between people of different economic classes, methods of automating a business, making it a phenomenon on personal finances.

The Rich Dad and the Poor Dad portrayed in the book, are nothing more than the father of Robert Kiyosaki’s  best friend, and his biological father.

His biological father, portrayed as the Poor Dad, had a university degree, a doctorate and several other qualifications. The Rich Dad, was the father of his best friend, which had not even finished his high school.

Both fathers worked hard and were successful in their careers. The difference is that one died with a lot of debt (the Poor Dad), and the other died as one of the richest men in the Island of Hawaii (the Rich Dad).

Robert Kiyosaki learned a lot from both them. In this book, he criticizes several aspects of the society, such as the fact that we are only instructed on how to get a university degree and find a good job, but not on how we are supposed to manage our money, or how society condemns topics about money, while almost everybody works for it.

Robert Kiyosaki also defends the opinion that money should work for us and not the other way around, and that is the main idea conveyed all around the book.

The author believes that one of the key points to enable us to achieve financial freedom, is mastering the differences between assets, liabilities, expenses and income. And more important than that is knowing how to take effective actions, in order to develop a virtuous cycle of investments.

Where to buy the book: Amazon

Question: What is your best tip on personal finances?
Leave your answer in the comments area below![:pt]1507-1

Pai Rico, Pai Pobre de Robert Kiyosaki

Pai Rico, Pai Pobre é um livro onde Roberto Kiyosaki advoga a busca pela independência financeira. Nesse livro são ilustrados diversos comportamentos e estruturas comportamentais entre pessoas de classes económicas diferentes, métodos de automatização de um negócio, fazendo dele um fenómeno sobre finanças pessoas.

O Pai Rico e o Pai Pobre de que Robert Kiyosaki retratava no livro, nada mais são que o pai do seu melhor amigo, e o seu pai biológico.

O seu pai biológico, retratado como o Pai Pobre, tinha um curso superior, um doutorado e várias outras qualificações. Enquanto o pai do seu melhor amigo, o Pai Rico nesse caso, nem sequer tinha o ensino médio concluído.

Ambos trabalhavam muito e foram bem sucedidos em suas carreiras, a diferença é que um morreu com um monte de dividas (o Pai Pobre), e o outro morreu como um dos homens mais ricos da Ilha do Hawaii (o Pai Rico).

Robert Kiyosaki aprendeu muito com os dois. Nesse livro, ele critica vários aspectos da sociedade, como o facto de sermos somente instruídos sobre como terminar o ensino superior e procurar um bom emprego, e não de como gerirmos todos os bens adquiridos, ou de como a sociedade condena a aquisição de dinheiro, quando quase todo mundo trabalha para ele.

Robert Kiyosaki também é de opinião de que o dinheiro deve trabalhar para nós e não o contrário, e é exatamente essa, a ideia principal retratada em torno do livro.

O autor acredita que um dos pontos chaves para a liberdade financeira, é sabermos as diferenças entre ativos, passivos, despesas e renda. E mais importante do que isso, é saber agir de maneira eficiente de modo a desenvolvermos um ciclo virtuoso de investimentos.


Onde adquirir o livro: 
Livraria Barquinho | Amazon 

Pergunta:
Qual é a tua melhor dica sobre finanças pessoais?

Deixa a tua resposta, na aréa de comentários abaixo![:]

Originally posted 2016-06-16 04:07:27.

Categorias: Destaques

Redação

O Successcode é uma marca de mídia digital Africana, com foco no empreendedorismo moderno. O Successcode destaca o lado empreendedor de artistas, atletas, empresários e diversos criadores. Use o email info@successcodeblog.com para enviar uma mensagem para a redacção, parceria ou comercial.

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *